HARMONIA INTERNA

O bem maior, o que desejo e comemoro, é a paz.

Essencialmente, a paz de espírito, a paz comigo mesmo.

Se estiver em paz com as pessoas, se estiver em paz com o mundo,

mais em paz estarei comigo mesmo.

 

Além da paz, amo a liberdade.

A liberdade, mesmo que relativa, é sempre uma condição desejada.

Quando ando pela floresta, às margens do rio,

me sinto livre como as árvores, os peixes e os pássaros;

apesar das fronteiras e das limitações existenciais de cada espécie.

Dos murmúrios e do perfume da natureza,

emana a paz absoluta e meu corpo caminha leve e solto.

Silêncio e isolamento nem sempre é solidão;

mesmo só, posso estar em equilíbrio vital.

 

As pessoas podem limitar minha liberdade.

Ou compartilharem comigo dos espaços,

convivendo livremente dentro dos limites da nossa amizade.

As liberdades e os silêncios podem ser convivenciados solidariamente,

em perfeita simbiose social; podemos viver em paz com os outros também.

 

Pessoas livres e pacíficas tendem a sonhar bons projetos de vida:

comuns, coerentes e possíveis.

Anúncios

Um comentário sobre “HARMONIA INTERNA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.